Cristãos e Muçulmanos: Atitudes Cristãs em relação ao Islã (2)

CRISTÃOS E MUÇULMANOS: O QUE ELES DIZEM UNS DOS OUTROS?

Introdução

1) Atitudes 2) A Importância da Ortodoxia 3) O Ciclo Descendente

Atitudes cristãs em relação ao Islã

1) Os Evangelhos e os Atos dos Apóstolos    2) A Virgem Maria    3) Papas    4)  Cardeais    5) Bispos católicos    6) Monges católicos    7) Reis e cavaleiros    8)  Cristianismo oriental    9) Protestantes    10) Ministro de Estado    11) Cronistas

Atitudes islâmicas em relação ao Cristianismo

1) Alcorão    2) Mohammed    3) Califas    4) Sufis    5) Sultões e santos    6) Historiadores


House_of_the_Virgin_MaryMeryem Ana Evi (A Casa da Virgem), Éfeso, Turquia, exterior.

2) A VIRGEM MARIA

A Casa em Éfeso (Meryem Ana Evi)

Muitos cristãos e muçulmanos acreditam que esta Casa, perto de Éfeso, na Turquia, é o local onde a Virgem Maria viveu depois da Crucifixão. Ela fugiu de Jerusalém para lá, acompanhada de São João Evangelista, para escapar da cólera dos judeus. Muitos acreditam que Éfeso é o local da Assunção ou Dormição. Outros, contudo, acreditam que isso aconteceu em Jerusalém, para onde, conta-se, Maria retornou pouco antes de morrer. Durante os muitos anos em que viveu em Éfeso, ela recebeu a visita de vários dos Apóstolos.

Em turco, a Casa é chamada Meryem Ana Evi (“A Casa da Mãe Maria”) ou Panaya Kapulu (“A Capela do Toda-Santa”). A descoberta da casa, e sua autentificação, foram descritas pelo poeta alemão Clemens Von Brentano (1778-1842) e depois, mais completamente, por dois missionários lazaristas de Smyrna (Izmir).

Atualmente, esta casa é visitada por grandes grupos de muçulmanos turcos – e grandes grupos de crianças – nos feriados da Turquia. Muitos deles caminham tranquilamente em volta da casa, rezando em silêncio. Alguns fazem as orações islâmicas formais, dependendo do momento do dia em que ali estejam.

A casa é de propriedade da Igreja Católica, que a administra, e um padre e freiras vivem junto a ela. O edifício, de fato, foi disposto como uma pequena capela com um altar, e todos dias é celebrada missa ali. Ele tem um cômodo (que foi o quarto de dormir de Maria) no qual os muçulmanos podem fazer suas orações formais. Os tapetes de oração são fornecidos pela Igreja. Frequentemente o padre tem condições de se encontrar com os turcos – sozinhos ou em grupos – que vêm visitar o local, e contar a eles a história da casa.

Muitos católicos da Europa ocidental, e também cristãos ortodoxos da Grécia, da Rússia e de outros países da Europa oriental fazem piedosas visitas a esta casa; da mesma forma, ela recebe a visita de protestantes.

De sob a casa brota uma fonte que, acredita-se, tem poderes de cura. Muitas oferendas votivas e lembranças foram deixadas na casa por muçulmanos, católicos e ortodoxos, que, depois de beber da água da fonte, ou de fazer suas orações à Virgem, receberam favores ou foram curados.

A basílica erguida em honra de São João e que contém seu túmulo fica ali perto, como também fica perto da grande e antiga mesquita chamada de “Mesquita do Senhor Jesus”.

Éfeso é um centro de peregrinação tanto para o Cristianismo como para o Islã. Ali, a Virgem traz bênçãos a cristãos e muçulmanos sem distinção.

Um símbolo exterior do espírito de Éfeso é a atitude positiva do padre e das freiras para com os muçulmanos, e a atitude positiva tanto das autoridades turcas quanto do povo turco, em primeiro lugar, para com o santuário da Virgem Maria em si mesmo e, depois, para com a presença cristã e os peregrinos cristãos.

Casa de Maria planta

Meryem Ana Evi (A Casa da Virgem), Éfeso, Turquia, planta

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s